Fisioterapia

O curso de Fisioterapia da UniEVANGÉLICA forma profissionais qualificados para o mercado de trabalho e preparados para os desafios que envolvem a saúde humana. Os estudantes são imersos em uma formação integral, tornando-se aptos a iniciar suas vidas profissionais com excelência nas diferentes áreas da fisioterapia: Saúde do Trabalhador, Fisioterapia Esportiva, Traumatologia e Ortopedia, Fisioterapia Neurológica, Fisioterapia da Criança e do Adolescente, Fisioterapia em U.T.I., Saúde da Mulher, recebem apoio constante de professores mestres e doutores em suas atividades práticas desenvolvidas na Clínica Escola de Fisioterapia – UniFISIO.

Sobre o curso

O Curso de Graduação em Fisioterapia da UniEVANGÉLICA objetiva formar o profissional da área de saúde para atuar em diversos níveis de assistência, na promoção, prevenção e reabilitação humana. O Fisioterapeuta é um profissional liberal que se utiliza de meios físicos, naturais e manuais com intuito de restaurar a função do corpo humano, prestando-lhe assistência não só no sentido de sua recuperação física e funcional, mas também na sua totalidade biopsicossocial.

Dados do Curso

Grau: Bacharelado

Modalidade: Presencial

Regime de matrícula:Semestral

Duração: 5 anos

Vagas: 60

Campus:Anápolis

Ato Regulatório – Renovação de Reconhecimento Portaria SERES/MEC Nº. 134/2018 Data do documento: 01/03/2018 – D.O.U. 02/03/2018

“ Cada degrau um sorriso, cada evolução uma conquista e é assim que o sonho começa a se realizar ”

Mandarim

Mercado de Trabalho

O campo de trabalho é bastante abrangente, desde níveis de alta complexidade como Hospitais; média complexidade (clínicas, ambulatórios, Consultórios, Centros de Reabilitação, Clubes esportivos), até em ações básicas de saúde, como A Estratégia Saúde de Família, em especial o Núcleo Ampliado de Saúde da Família. Pode ainda atuar em Empresas, Indústrias de equipamentos de fisioterapia, em perícias judiciais, e também na Vigilância em Saúde. No âmbito educacional, atua em Instituições de Ensino Superior e centros de pesquisas.

Diferenciais

  • Considerado o melhor curso de Fisioterapia das Instituições privadas do interior do Estado de Goiás, segundo dados MEC, 2017.
  • 04 Estrelas pela avaliação do Guia Estudante – 2017
  • Conceito ENADE/MEC – Nota 04 por dois ciclos consecutivos (2013 e 2016), sendo a nota máxima 05.
  • Nova Clínica Escola a ser inaugurada em 2018, referencia na cidade. Conta com amplo espaço para atendimento em várias especialidades como: Fisioterapia Cardiorrespiratória, Fisioterapia em Ortopedia e Desportiva, Fisioterapia Neurofuncional, Fisioterapia na Saúde da Mulher (obstetrícia e uroginecologia), Fisioterapia Dermatofuncional, Hidroterapia.
  • Inserção em atendimentos a pacientes a partir do quinto período, feito de forma supervisionada.
  • Corpo docente com 82% de mestres e doutores.
  • Estágio obrigatório supervisionado e conduzido por docentes do curso.
  • Estágio Supervisionado realizados em instituições de renome e de referência regional.
  • Nossos alunos têm se destacado com aprovação em concursos públicos e grande inserção no mercado de trabalho.
  • Bolsas de iniciação científica.
  • Convênios para intercambio internacional.
  • Oferta de pós graduação Lato Sensu em Fisioterapia Respiratória em UTI.
  • Oferta de pós graduação Lato Sensu em Saúde Pública e Estratégia de Saúde da Família, Fisiologia do Exercício Aplicada ao Treinamento Desportivo, Estética Facial e Corporal, Vigilância Sanitária e Assuntos Regulatórios, Engenharia e Segurança no Trabalho, Docência Universitária.

Matriz Curricular


Trabalho de Conclusão de Curso

O objetivo do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) é despertar intuição investigativa e científica no profissional Fisioterapeuta que está se formando, desenvolvendo consciência crítico-analítico. O TCC constitui uma atividade acadêmica de sistematização do conhecimento sobre um objeto de estudo pertinente à profissão desenvolvida mediante controle, orientação e avaliação docente, cuja exigência é um requisito essencial e obrigatório para a obtenção do diploma.

O TCC se inicia com a elaboração do projeto de pesquisa, no 7º período, na disciplina de Fisioterapia Baseada em Evidência VII. O projeto é submetido ao Comitê de Ética e Pesquisa do Centro Universitário de Anápolis de acordo com a Resolução 466 de 2012 do Conselho Nacional de Saúde.  O desenvolvimento da pesquisa ocorre no 8º período, na disciplina de Fisioterapia Baseada em Evidência VIII, e a finalização da pesquisa ocorre no 9º período, na disciplina de Fisioterapia Baseada em Evidência IX, com a elaboração de um artigo científico, o qual é apresentado a uma banca examinadora.

Os resumos dos TCCs são publicados nos Anais da Mostra Acadêmica do Curso de Fisioterapia, que acontece semestralmente e estão disponíveis no Portal de Anais Eletrônicos da UniEVANGÉLICA.

O desenvolvimento dos trabalhos tem o acompanhamento do Coordenador de Pesquisa e são orientados por professores do Curso de Fisioterapia.

 

Docentes Orientadores

DOCENTES

LINHA DE PESQUISA

Profa. Ms. Cecília Magnabosco Melo Saúde Coletiva e Saúde do Idoso
Profa. Dra. Claudia Santos Oliveira Neuro pediatria
Prof. Ms. Dalley César Alves Geriatria e Gerontologia voltados a Reabilitação Aquática
Profa. Dra. Daniella Alves Vento Avaliação e Intervenção em Fisioterapia Cardiorrespiratória
Prof. Dr. Humberto de Sousa Fontoura Fisioterapia Ortopédica e Esportiva. Posturologia e Medicina Tradicional Oriental
Profa. Esp. Ilana de Freitas Pinheiro Saúde do Idoso, Reabilitação Vestibular e Fisioterapia Neurofuncional
Profa. Dra. Kelly Cristina Borges Tacon DTM e Dor Orofacial. Saúde do Idoso e Saúde da Mulher
Prof. Dr. Rodrigo Franco de Oliveira Ortopedia
Profa. Ms. Vaneide Caldas Martins Saúde da Mulher
Profa. Dra. Viviane Soares Estatística/Análise dos Resultados

 

Regulamento do TCC

Estágio Curricular

Os estágios supervisionados são uma modalidade de componente curricular obrigatório e fundamental para completar a formação acadêmica do estudante de Fisioterapia. O estágio ocorre sob a supervisão e acompanhamento de docentes supervisores e é coordenado por um professor do curso de Fisioterapia, objetiva o desenvolvimento da articulação teoria/prática, tão necessária à vida profissional.

Os Estágios acontecem dentro das disciplinas de PISCO I a VI, Práticas Integradas I ao IV e Estágio Supervisionado I, II e III.

Nas disciplinas de PISCO I a VI as vivências acontecem, nos diversos cenários do Sistema Único de Saúde (SUS) e os acadêmicos vivenciam a atuação nas Unidades Básicas de Saúde da Família, em nível primário e secundário de atenção à saúde. Nas disciplinas de Práticas Integradas de I a IV, o acadêmico avalia e realiza atendimentos a pacientes na Clínica Escola e Laboratórios do curso de Fisioterapia, concomitantemente as disciplinas aplicadas referentes ao período cursado, proporcionando à articulação teórico-prática e maior integração e vivência com o dia a dia da profissão.

A partir do 6º ao 8º período, os acadêmicos passam a realizar a disciplina Estágio Supervisionado I. No ambiente institucional atuam em Saúde do Trabalhador e Disfunção Temporomandibular. Atuam também em Instituições de longa Permanência em Saúde do idoso.

Nos Estágios Supervisionados II e III, desenvolvem prioritariamente, atividades de atenção secundária e terciária na Clínica Escola de Fisioterapia e instituições conveniadas (Hospitais e Unidades de Atendimento Secundário). Atualmente, o Curso de Fisioterapia mantém convênios com os hospitais HUANA, Santa Casa, Hospital Municipal; com a APAE, Secretaria Municipal de Saúde.

Regulamento do Estágio

Atividades de Extensão

A extensão, entendida como uma das funções básicas da universidade caracteriza-se por ser um processo acadêmico definido e efetivado em função das demandas sociais, políticas, econômicas e culturais da sociedade e da proposta pedagógica dos cursos, concordando com as políticas públicas e indispensáveis à formação cidadã.

O Curso de Fisioterapia da UniEVANGÉLICA, desenvolve atividades extensionistas pautado nas Diretrizes para a Extensão Universitária, definidas no Plano Nacional de Extensão e na Política de Extensão e Ação Comunitária da UniEVANGÉLICA, objetivando a flexibilização curricular e a curricularização da extensão no curso. No curso, há uma Coordenação de Extensão própria, responsável por estimular a proposta de ações de extensão, supervisionar sua execução e elaborar relatórios para a Coordenação de Extensão da UniEVANGÉLICA. Os projetos são elaborados por professores, com a participação da comunidade acadêmica e envolvem a comunidade externa. As atividades seguem um regulamento próprio.

Dentre os programas de extensão previstos no PDI, o Curso de Fisioterapia, participa ativamente, dos seguintes programas:

  • Programa Permanente para a Promoção dos Direitos Humanos;
  • Programa Permanente de Educação Continuada;
  • Programa Permanente de Atendimento ao Idoso;
  • Programa Permanente de Atendimento ao Deficiente;
  • Programa Permanente de Atendimento à Mulher;
  • Programa Permanente de Apoio e Desenvolvimento de Ações para a Promoção Social;
  • Programa Permanente de Atendimento na Área da Saúde.

No curso estão implantados e em desenvolvimento as atividades:

  • Projeto Saúde do Escolar;
  • Recicla Fisio;
  • Projeto Tampamania;
  • Projeto de Monitoria Voluntária;
  • 0Estágio observacional;
  • Ações com a Universidade Aberta da Terceira Idade (UniATI);
  • Ligas Acadêmicas:
    • Liga Acadêmica de Marcha Humana – LAMAH;
    • Liga Acadêmica de Ortopedia, Ortotrauma, Reumatologia e Desportiva – LOORD;
    • Liga Acadêmica Multidisciplinar para o Estudo da Dor – LAMED;
    • Liga Acadêmica de Hidroterapia da Fisioterapia – LAHIF;
    • Liga Acadêmica de Anatomia Humana da UniEVANGÉLICA – LAHUNI.

Quanto ao mercado de trabalho, a UniEVANGÉLICA possui convênios com instituições como o Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e com o Centro de Integração Empresa Escola (CIEE), que atuam como mediadores da inserção de alunos do Curso de Fisioterapia para realização de estágios extracurriculares em diversas empresas.

Regulamento de Extensão

Pesquisa

No Curso de Fisioterapia da UniEVANGÉLICA há uma Coordenação de Pesquisa própria para definir ações, organização e regulamentação da pesquisa no Curso, bem como incentivar e auxiliar docentes e discentes em desenvolver projetos de pesquisa.

Para incentivar a pesquisa e a divulgação desta no meio acadêmico, foi criada pela coordenação de Pesquisa uma Mostra Científica onde os alunos expõe o trabalho desenvolvido ao longo do semestre.

Em relação à iniciação científica, os alunos do curso de Fisioterapia também participam do programa de iniciação científica institucional, onde alguns obtiveram incentivo de bolsas (PBIC –UniEVANGÉLICA e PBIC- CNPq), e outros participam como voluntários (PVIC).

Além da bolsa para o acadêmico, existe na instituição a bolsa pesquisador para docentes, onde vários professores do curso de Fisioterapia já tiveram seus projetos aprovados e com o incentivo da Bolsa FUNADESP.

O curso de Fisioterapia, incentivando um estudo multidisciplinar sobre o envelhecimento, liderou a criação em 2010 de um grupo de pesquisa sobre o envelhecimento, em que participam professores e acadêmicos dos cursos da área de Saúde. O grupo: “Envelhecimento e saúde: visão interdisciplinar” já apresentou seus trabalhos em congressos nacionais e internacionais. Esse grupo foi criado com intuito de desenvolver uma visão integral dos profissionais e acadêmicos da área de saúde no cuidado com o idoso. O grupo é constituído por docentes e acadêmicos do curso de Fisioterapia, Odontologia, Farmácia, e Medicina da UniEVANGÉLICA, dando um enfoque multidisciplinar nos estudos e também no desenvolvimento de atividades de ensino, extensão e pesquisa. A partir desse grupo foi criado na instituição a Liga Acadêmica de Geriatria e Gerontologia da UniEVANGÉLICA – LAGGUNI.

Liga de Geriatria e Gerontologia da UniEVANGÉLICA – Lagguni

Foi criada em 10 de agosto de 2010. Trata-se de uma liga de caráter multidisciplinar constituída por acadêmicos de diferentes áreas da saúde sob orientação das docentes: Luciana Caetano Fernandes, Silvia Pricinote, Viviane Lemos Fernandes e Vanilce Vilmar Bernardes.

Essa liga teve sua primeira aula inaugural e primeiro curso introdutório, com o tema “Fisiologia do envelhecimento”, no dia 10 de outubro de 2010. Essa aula foi ministrada pelas Dras. Juliana Junqueira Marques Teixeira, geriatra e diretora científica da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG- Goiás,) e pela Profa. Viviane Lemos Fernandes, presidente do Departamento de Gerontologia da SBGG-Goiás, professora, fisioterapeuta e também uma das responsáveis pela condução das atividades da Lagguni.

A Lagguni tem reuniões científicas quinzenais e participam de eventos extensionistas, onde promovem ações educativas na área da saúde, bem como prestam atendimentos supervisionados pelos professores a comunidade idosa.

A liga propõe atividades de ensino, pesquisa e extensão. A Lagguni está vinculada a projetos de pesquisas que estão sendo desenvolvidos na UniEVANGÉLICA, tais como “Análise do perfil de medicamentos utilizados por idosos em Anápolis”, “ Avaliação de risco de quedas em idosos asilados”, entre outros. A LAGGUNI conta com o apoio do Hospital Dia do Idoso.

Membros fundadores da Liga:

Presidente: Aline Cristina da Silva Oliveira

Vice-presidente: Benaya Pereira Borges

Secretário: Laureana Marcelo Mamede

Coordenação de extensão: Felipe Augusto Matos Ferreira

Coordenação de Pesquisa: José Henrique

Coordenação de comunicação: Renata Alcântara Lima

Tesoureiro: Frederico Rosário da Silva

Docentes envolvidos

Profª. Ms Luciana Caetano Fernandes / Coordenadora de Pesquisa do curso de Fisioterapia/ Docente do curso de Medicina, Fisioterapia, Enfermagem e Farmácia / Coordenação Geral da LAGGUNI

Profª. Dra. Silvia Pricinote – Docente do Curso de Medicina/ Geriatra

Profa. Ms Vanilce Vimar Bernardes/ Docente do curso de Farmácia / Coordenadora do laboratório de Análises Clínicas da Unievangélica

Profa. Ms Viviane Fernandes Lemos / Diretora do curso de Fisioterapia/ Especialista em Gerontologia/ Presidente do depto de Gerontologia da regional Goiás da SBBG

Atividades Complementares

A realização de atividades complementares no Curso de Fisioterapia, cuja obrigatoriedade está em acordo com as Diretrizes Curriculares vigentes, têm a finalidade de enriquecer o processo de ensino-aprendizagem e permitir a flexibilização curricular.

No Curso de Fisioterapia estão previstas 220 h/a de atividades complementares, sendo componente curricular obrigatório. Essas devem ser realizadas, pelo aluno, a partir de seu ingresso no curso, mas sua validação acontece durante o 7º e 8º períodos, mediante a entrega dos certificados e comprovantes na secretaria do curso, que posteriormente são avaliados e validados pelo Coordenador Pedagógico e uma comissão de professores especialmente designada pela Direção do Curso para este fim.

Cada participação possui pontuação específica definida em regulamento próprio (constante do apêndice), e os acadêmicos devem realizar pelo menos três categorias diferentes de atividades.

Regulamento das Atividades Complementares

Clínica Escola

O curso de Fisioterapia dispõe de uma Clínica própria (Clínica-Escola), conveniada do SUS, que estabelece com este relação de referência e contra-referência. Na clínica do curso são realizadas atividades que preparam o aluno para a prática profissional. O atendimento aos pacientes é realizado desde o quinto período, quando os acadêmicos realizam a triagem e acompanham atendimentos, ao décimo período, com complexidade crescente. A clínica-escola constitui, hoje, referência para a rede municipal. A Clínica-Escola está instalada na própria instituição, com acessibilidade facilitada, piscina aquecida, e equipada para atender as áreas de dermatofuncional, fisioterapia cardiorrespiratória, ortopédica e desportiva, neurofuncional e hidroterapia. A Clínica Escola constitui-se de um espaço construído exclusivamente para permitir qualidade e conforto na atenção ao paciente e ao acadêmico do Curso de Fisioterapia. O novo espaço será inaugurado em 2018. As outras áreas de estágio são desenvolvidas em instituições conveniadas de renome e referencia regional.

Endereço: Rua Mozart Soares, número 56, Bairro Cidade Jardim. Fone: 3098-5370

Diretora do curso

M.e Viviane Lemos Silva Fernandes

Doutora em Ciências e Tecnologias em Saúde pela Universidade de Brasília –UnB (2014); Mestre em Educação Física pela Universidade Católica de Brasília-UCB (2006) com ênfase em Gerontologia, Título de Especialista em Gerontologia pela Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia-SBGG (2007), Especialista em Fisioterapia Neurológica pelo Centro Universitário do Triângulo-UNITRI (2001) e em Gestão Universitária pelo Centro Universitário de Anápolis-UniEVANGÉLICA (2004), Graduada em Fisioterapia pela Universidade Estadual de Goiás-UEG (1999). Professora adjunta do Centro Universitário de Anápolis – UniEVANGÉLICA e Membro da Comissão de Ética do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional / Região 11. Coordena o curso de Fisioterapia da UniEVANGÉLICA. Atua e pesquisa o processo do envelhecimento.

Currículo Lattes

Ainda tem Dúvidas? Contate-nos.

Telefone: (62) 3310-6684 / 0800 603 2023

Whatsapp: (62) 99804-1737

E-mail: relacionamento@unievangelica.edu.br

Fale com a diretora

E-mail: viviane.fernandes@unievangelica.edu.br

Loading...